Widgetized Section

Go to Admin » Appearance » Widgets » and move Gabfire Widget: Social into that MastheadOverlay zone

China proibiu a venda da Bíblia

Sagrada EscrituraRelatório oficial patenteia o renascimento cristão na China, onde já foram impressos mais de 160 milhões de exemplares da Bíblia. Pequim proibiu a venda da Bíblia na Internet, tornando o cristianismo a única religião que não pode vender seus textos sagrados na rede social. A Bíblia impressa só pode ser adquirida em lojas aprovadas pelo regime comunista. Além de intensificar o ensino do marxismo, o presidente Xi Jinping promove religiões pagãs como o taoísmo e o budismo, modelos estes da crença que deve ser considerada oficial. “Achinesar” o catolicismo, por meio de um acordo com a Santa Sé, não passa da velha perseguição religiosa anticatólica.

1 comentário para China proibiu a venda da Bíblia

  1. Costa Marques Responder

    27 de junho de 2018 à 12:16

    Os fatos falam … onde está a “abertura” do regime chinês?
    Pequim proibiu a venda da Bíblia na Internet, tornando o cristianismo a única religião que não pode vender seus textos sagrados na rede social.
    Será que a ONU vai se lembrar do direito de praticar a verdadeira religião?
    Ou será que o Vaticano vai fazer valer o mandato de Nosso Senhor, “ide, e ensianai a todos os povos…” CostaMarques

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *