Widgetized Section

Go to Admin » Appearance » Widgets » and move Gabfire Widget: Social into that MastheadOverlay zone

Cidade de Cardoso Moreira (RJ) consagrada a Nossa Senhora Aparecida

Cardoso Moreira

Fábio Cardoso

Cardoso MoreiraA cidade de Cardoso Moreira, no Norte fluminense, foi solenemente consagrada a Nossa Senhora Aparecida no último dia 30 de novembro [click na foto para ampliá-la] . O ato contou com grande afluência da população e foi ilustrado pela presença de D. Roberto Ferreria Paes, bispo diocesano de Campos, e de D. Fernando Arêas Rifan, bispo da Administração Apostólica São João Batista Maria Vianney, bem como de numerosos sacerdotes. O Sr. Gilson Siqueira, prefeito municipal, assinou a fórmula da Consagração, que foi lida publicamente pelo vice-prefeito, Sr. Renato Jacinto [foto à direita].

Cardoso MoreiraA iniciativa deste importante ato — o qual se insere no âmbito das comemorações do tricentenário de Nossa Senhora Aparecida — partiu do Pe. David Francisquini, capelão da igreja do Imaculado Coração de Maria, e do Pe. Edison Domingues dos Reis, pároco da igreja matriz de São José, que pediram ao prefeito a Consagração oficial do município à Virgem Maria sob a invocação de Nossa Senhora Aparecida, e foi efetivada pela lei municipal “de caráter de urgência especial, de número 031/2017”, votada pela maioria dos vereadores e sancionada pelo prefeito, que não se deixaram dobrar pela pressão de protestantes em sentido contrário.

Cardoso MoreiraAs celebrações se iniciaram com uma Missa festiva, celebrada no rito tridentino por D. Fernando Rifan na igreja do Imaculado Coração de Maria [foto ao lado] e cantada pelo coral Regina Angelorum. Seguiu-se uma enorme carreata, que percorreu as principais ruas da cidade, levando a imagem de Nossa Senhora Aparecida. Durante o percurso, muitos devotos expunham em frente de suas casas imagens da Padroeira do Brasil, em sinal de reverência, apreço e apoio à Consagração.

Cardoso Moreira            No final da carreata [foto ao lado] todos se encontraram no trevo da entrada da cidade, onde foi edificado um nicho especialmente para Nossa Senhora Aparecida. Ali, após ser abençoada pelo bispo diocesano, a imagem foi entronizada solenemente ao som do Hino Nacional e do Hino de Cardoso Moreira. O local foi cedido generosamente pelo proprietário, Sr. Beto Siqueira.

A singela imagem de Nossa Senhora Aparecida ficará exposta na entrada de Cardoso Moreira para ser venerada por todos seus devotos que por lá passarem. E, como símbolo de seu sincero e filial amor, o povo cardosense manterá com carinho e respeito o espaço público a Ela dedicado.

Cardoso MoreiraCardoso MoreiraCardoso MoreiraCardoso Moreira

4 comentários para Cidade de Cardoso Moreira (RJ) consagrada a Nossa Senhora Aparecida

  1. Celso da Costa Carvalho Vidigal Responder

    7 de dezembro de 2017 à 11:33

    É preciso felicitar o prefeito, que não se deixou intimidar pela “cristianofobia” dos protestantes, falsos cristãos, bem como os vereadores que votaram a favor da consagração.

  2. Costa Marques Responder

    7 de dezembro de 2017 à 13:00

    Otima iniciativa da cidade de Cardoso Moreira. Certamente tem nesta Consagração um papel importante (não exclusivo) o Pe. Davi Francisquini, da igreja do Imaculado Coração de Maria que tem zelosamente pregado a devoção à Nossa Senhora.
    Também a presença do sr prefeito e vice-prefeito representando o Poder Civil e legitima autoridade do Municipio — faz lembrar a boa lei do Poder Civil reconhecer a Deus como Criador.
    A presença de dois Bispos da Santa Igreja deram à Cerimônia oficial de Consagração o seu brilho e representatividade. CostaMarques

  3. Nelson Fragelli Responder

    9 de dezembro de 2017 à 9:50

    Com emoção tomo conhecimento desta magnífica realização do Senhor Padre David Francisquini. Com pompa e devoção ele honra a nossa Padroeira. Nossa Senhora Aparecida foi neste ano objeto de profanações confrangedoras. Que esta consagração de Cardoso Moreira sirva também de reparação.

  4. João Responder

    11 de dezembro de 2017 à 0:44

    Li os dois primeiros comentários, faço tecer minhas observações a respeito do evento da Consagração do município dizendo que por parte dos políticos houve muita má vontade, pois estavam muito mais abertos a favorecer os protestantes, do que a parte católica. Tal lei que reconhecia a consagração, não da cidade mais da parte católica que deveria ser consagrada. Digo ainda mais que tal lei saiu faltando um dia para a cidade ser consagrada, pois os católicos foram militantes e não se deixaram dobrar diante da pressão que mesmo sem reconhecimento a cidade seria consagrada. Vendo isso foi que a lei saiu mas deturpada favorecendo os protestantes. Com dois bispos, com a massa de fieis, estando presente o prefeito e o vice, o município foi consagrado a Nossa Senhora Aparecida. Isso se deveu o impacto católico que não se dobrou diante do fanatismo e intolerância protestante que até o último momento quis dificultar a consagração.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *