Widgetized Section

Go to Admin » Appearance » Widgets » and move Gabfire Widget: Social into that MastheadOverlay zone

Indústria de invasão indígena

Indústria de invasão indígena

O vereador indígena Aguilera de Souza [foto], de Dourados (MS), defende que a Polícia Federal investigue quem está por trás das invasões de áreas nas imediações da Reserva Indígena e alerta as autoridades sobre a presença de estranhos.

Ele classificou ainda como “muito importantes” as denúncias feitas pelo cacique guarani Renato Machado, uma das principais lideranças da Reserva Indígena de Dourados, sobre manipulação nas invasões de propriedades vizinhas às aldeias. “Li a matéria antes de sair de casa e posso afirmar que essa situação preocupa muito as famílias da Reserva Indígena de Dourados, mesmo porque não concordamos com essas ocupações”, enfatizou Aguilera, em entrevista por telefone.

Durante sessão da Câmara Municipal, o vereador ocupou a tribuna para cobrar uma investigação séria da Polícia Federal (PF) sobre a presença de famílias indígenas de outros municípios, e até de outras etnias, nas invasões de áreas particulares em Dourados.

Disse ele: “A Polícia Federal precisa investigar isso, porque essas pessoas vêm de outras localidades e acabam passando para a sociedade a impressão de que tais ocupações estão partindo das famílias indígenas de Dourados”.

2 comentários para Indústria de invasão indígena

  1. Ildo Haenck Responder

    15 de Fevereiro de 2017 à 13:26

    Bom dia, acompanho o trabalho de voces, pelos temas publicados

  2. NEREU AUGUSTO TADEU DE GANTER PEPLOW Responder

    15 de Fevereiro de 2017 à 13:45

    Este é o país que escolheu trilhar a contra-mão da História…. este é o país-caldeirão em que se preparam ao mesmo tempo uma paella, uma feijoada e um strogonoff para ninguém saber o que está ingerindo…. o país-símbolo da contradição intrínseca… o caminho do futuro é voltar à vida tribal, mas de terno e gravata, caminhonetes Hylux e antenas parabólicas, Iphones e tráfico internacional de riquezas naturais. Tudo para os selvagens, nada para as cidades…. O padre católico veste cocar de penas, o índio veste terno e não precisa ser batizado nem alfabetizado…. o índio quer ganhar terra (não se sabe para que) e o branco é sem-teto…. índio não produz e tem tudo… branco trabalha feito escravo e cada vez possui menos…. acho melhor dar um tempo e parar por aqui…..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *