Islâmicos profanaram imagens católicas na Alemanha em 2016

islâmicos profanaram imagens católicas na Alemanha em 2016
Montagem fotográfica de diversos atentados sacrílegos na Alemanha em 2016

Mais de 50 imagens de Nosso Senhor Jesus Cristo, de Nossa Senhora e dos santos foram desfiguradas ou destruídas em 2016 no distrito alemão de Münster. Mirko Stein, da polícia local, reconheceu nos fatos “uma origem religiosa”. As autoridades abafaram as informações relativas aos crimes e depredações perpetrados por muçulmanos acolhidos pelo governo, por organizações eclesiásticas e por ONGs, em geral de esquerda. Nos dois anos anteriores à atual onda de sacrilégios, típica da guerra religiosa pregada por Maomé, fundador do Islã, 40 capelas e imagens foram violadas no distrito vizinho de Steinfurt. Apesar de nada indicar que o ódio anticatólico tenha diminuído, os maometanos continuam a ser “acolhidos”.

____________ 

Vídeo a respeito no seguinte link: https://ascruzadas.blogspot.com.br/2017/03/islamicos-profanaram-50-imagens.html

 

Um comentário para "Islâmicos profanaram imagens católicas na Alemanha em 2016"

  1. Costa Marques   31 de março de 2017 at 12:53

    Muito importante fazer circular estes dados sobre a profanação de imagens e igrejas feitas por mussulmanos “imigrantes”. Vamos levantar uma reação e exigir a punição de tais atos… e tambem pôr freios a esta invasão anticatolica. CostaMarques