Mexicanos impedem legalização do “casamento” homossexual

Juntos por México

Nas eleições estaduais mexicanas, os 70 movimentos pró-vida, reunidos na coalizão Juntos por México [foto], pesaram decisivamente em sete dos 12 Estados nos quais se realizaram os pleitos eleitorais. O grande derrotado foi o presidente Peña Nieto, que tentava modificar a Constituição para legalizar o “casamento” homossexual. O Episcopado mexicano infelizmente atuou pouco contra o projeto, alegando que a Constituição proíbe os religiosos de intervir na política. Contudo, o problema em questão não é político, mas moral e religioso. E os leigos católicos mostraram mais amor e coragem na defesa da moral e religião do que os próprios eclesiásticos.

Um comentário para "Mexicanos impedem legalização do “casamento” homossexual"

  1. Marcos Costa   1 de setembro de 2016 at 1:53

    Otima atitude de nossos irmaos mexicanos catolicos. Reagindo contra essa absurda ideologicia de genero. CostaMarques