Widgetized Section

Go to Admin » Appearance » Widgets » and move Gabfire Widget: Social into that MastheadOverlay zone

Real Madrid tira a cruz do escudo: intolerância religiosa no esporte?

Agência Boa Imprensa

Real Madrid

Em dezembro de 2014, Florentino Pérez, presidente do clube de futebol Real Madrid, chegou a um acordo com o Banco Nacional de Abu Dabi para criar cartões bancários com o escudo do clube. A polêmica surgiu quando, na apresentação dos cartões, verificou-se que o escudo do time havia sofrido uma leve modificação: a cruz do topo havia sido eliminada.

O caso do Real Madrid não é o primeiro ocorrido devido a pressões religiosas. Na Arábia Saudita e na Argélia, ninguém pode comprar uma camiseta do Barcelona com a cruz de São Jorge. Esta simplesmente desapareceu. A cruz vermelha sobre o fundo branco de São Jorge, que durante mais de um século foi usada por todos os jogadores e torcedores do time, foi suprimida pelos muçulmanos daqueles países.

Real Madrid tira a cruz do escudo: intolerância religiosa no esporte?Segundo o jornal “La Vanguardia”, de Barcelona, desde 2008 nenhuma loja da cidade de Riad (Arábia Saudita) vende artigos com a cruz. Todas as camisas e adesivos têm uma barra vertical na parte superior esquerda. O clube afirma que não são camisas oficiais, mas apenas falsificações, feitas para evitar o símbolo religioso.

3 comentários para Real Madrid tira a cruz do escudo: intolerância religiosa no esporte?

  1. Marcos Costa Responder

    24 de julho de 2015 à 8:35

    Intolerância, ou pereseguição ao Catolicismo? Ou intolerância para com o Catolicismo?
    Tambem no Brasil ja houve tentativa de retirar os crucifixos de órgãos públicos…
    E agora a tentativa de impor a Ideologia de Gênero.
    Cá e lá os mesmos tiranos há…
    Mac Hado

    • Alexandre Loureiro Abreu Responder

      30 de junho de 2016 à 12:55

      Primeiro cara não existe a religião Catolicismo a religião é o Cristianismo, segundo é intolerância sim pois isso acontece com todas as religiões e as pessoas não toleram religiões diferentes das delas. Isso de tirar o crucifixos de lugares e órgãos públicos é o certo a se fazer pois o estado é laico

  2. Mario Hecksher Responder

    24 de julho de 2015 à 10:35

    Os muçulmanos são assim! Querem que todos se rendam às suas crenças, aos seus costumes e à sua intolerância religiosa. Enquanto isso, os cristãos, ávidos pelo dinheiro, fazem o que eles exigem. Lamentável!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *