Widgetized Section

Go to Admin » Appearance » Widgets » and move Gabfire Widget: Social into that MastheadOverlay zone

Sinais de crescente hostilidade anticristã no mundo

Helen Slatter (foto), enfermeira católica do Gloucestershire Royal Hospital, Grã-Bretanha, foi demitida pelo fato de levar uma correntinha com uma pequena cruz no pescoço –– noticiou o diário “The Daily Mail” de Londres. O pretexto foi que a correntinha podia espalhar infecções… Helen preferiu perder o emprego a renunciar à sua cruz. A abusiva proibição é mais um exemplo da crescente hostilidade contra os católicos no Ocidente. Essa perseguição emprega sofismas de fundo laico, mas na realidade sua verdadeira razão é anticristã.

Poder-se-ia incluir neste contexto o descabido alerta da FIFA (entidade mundial de futebol), enviado à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) pelo fato de os jogadores brasileiros comemorarem com a recitação do Pai Nosso (foto abaixo) a conquista da Copa das Confederações, na África do Sul.

É oportuno lembrar a política de dois pesos e duas medidas seguida pela FIFA: quando a equipe de um país muçulmano, após a vitória, rezou voltada para Mecca, a entidade não protestou, julgando aceitável a oração dos maometanos…

__________
Agência Boa Imprensa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *