Dom Sebastião, um rei de legenda

Heitor Abdalla Buchaul (*) No dia 4 de agosto de 1578 desaparecia na batalha de Alcácer-Quibir, Dom Sebastião, soberano de Portugal — “rei engendrado pela esperança e pelas saudades”, conforme o qualificou o pensador católico Plinio Corrêa de Oliveira. Nascido em pleno Renascimento, o ilustre príncipe português representava, em meio à corrupção dos costumes de […]