Uma praça de Praga homenageia um opositor de Putin

A praça onde se localiza a embaixada da Rússia em Praga (capital da República Tcheca) passou a homenagear Boris Nemtsov. Trata-se de um opositor de Vladimir Putin, assassinado em 2015 enquanto preparava um relatório sobre os militares russos mortos na ocupação da Ucrânia.

O Kremlin prendeu os supostos executores do assassinato, mas parentes de Nemtsov os consideram “laranjas”, e afirmam que os reais autores do assassinato foram acobertados por Putin.

Desde então organizam-se em Moscou e nas províncias homenagens ao dissidente chacinado. A Organização para a Segurança e Cooperação na Europa (OSCE) pediu “nova investigação completa” do crime e sanções contra seus autores intelectuais, mas Putin excluiu a realização na Rússia de qualquer inquérito internacional sobre o crime.