SÃO FRANCISCO DE SALES

SÃO FRANCISCO DE SALES

Nasceu no Castelo de Sales (Ducado de Saboia) no dia 21 de agosto de 1567 e faleceu em Lyon (França) no dia 28 de dezembro de 1622. Em memória dos 400 anos de sua morte, reproduzimos trecho de um artigo de Plinio Corrêa de Oliveira no “Legionário” de 23 de janeiro de 1938. Plinio Corrêa […]

Solene definição do dogma da Imaculada Conceição

Solene definição do dogma da Imaculada Conceição

Da Bula Ineffabilis Deus de Pio IX, em 8-12-1854 “Depois de na humildade e no jejum dirigirmos sem interrupção as Nossas preces particulares e as públicas da Igreja a Deus Padre, por meio de Seu Filho, a fim de que Se dignasse dirigir e sustentar Nossa mente com a virtude do Espírito Santo; depois de […]

CATOLICISMO E UNIDADE NACIONAL

CATOLICISMO E UNIDADE NACIONAL

Plinio Corrêa de Oliveira Não há historiador sincero que não reconheça a ação da Igreja na formação de nossa Pátria. Conforme Eduardo Prado: “O Brasil, como toda a América Latina, é um exemplo de que há um método de colonizar, que poderemos chamar sem erro, o método católico”. E Joaquim Nabuco, mostrando a influência da […]

SACRAMENTOS E SACRAMENTAIS

SACRAMENTOS E SACRAMENTAIS

Plinio Maria Solimeo No Antigo Testamento a economia da graça era muito severa, de maneira que nossos primeiros pais encontravam dificuldade na prática da virtude, pois deviam observar os preceitos de Deus, sem terem os recursos que, no Novo Testamento, Nosso Senhor Jesus Cristo concedeu à Sua Igreja para auxílio dos fiéis. Eles são inúmeros, […]

São Tomás Morus — Exemplo de coerência na prática da fé

São Tomás Morus — Exemplo de coerência na prática da fé

Plinio Maria Solimeo Causa espanto e é difícil de se compreender, como uma mãe pode assassinar de maneira cruel o filho que concebeu, com o aborto. Com isso ela abafa em si o primeiro e mais tangível laço afetivo entre dois seres, o amor materno, presente até nos animais irracionais. Também difícil é de se […]

Paz não é apenas a cessação de hostilidades

Paz não é apenas a cessação de hostilidades

Plinio Corrêa de Oliveira Aberram lamentavelmente do senso católico os fiéis que supõem atender a um dever de caridade desejando que a paz se restabeleça quanto antes no mundo, mas que entendem por paz uma cessação qualquer das hostilidades, que evite a qualquer preço a carnificina e a efusão de sangue, ainda que por meio […]

CORTESIA FRUTO DA CIVILIZAÇÃO CRISTÃ

CORTESIA FRUTO DA CIVILIZAÇÃO CRISTÃ

“A cortesia é uma das propriedades de Deus, que dá seu sol e sua chuva aos justos e aos injustos por cortesia, e a cortesia é irmã da caridade, que extingue o ódio e conserva o amor.”  (São Francisco de Assis) . “A Revolução Francesa foi satânica porque ela cometeu sacrilégios, entronizou a deusa razão […]

A gesta de Plinio Corrêa de Oliveira continua viva

A gesta de Plinio Corrêa de Oliveira continua viva

John Horvat * Somos muitas vezes levados a pensar que nossa ação contra-revolucinária ocorre num vácuo: fazemos uma campanha e ninguém parece dar importância. A mídia, notável em noticiar qualquer insignificância, nada diz. E a esquerda, quando não ignora, tenta no máximo passar recibo utilizando a arma do ridículo. E tudo acontece como se nossas […]

OS DOIS ASPECTOS DA MORTE

OS DOIS ASPECTOS DA MORTE

Sórdido e repelente X augusto e épico Plinio Corrêa de Oliveira A morte apresenta dois aspectos. O primeiro é o aspecto biológico: a decomposição de um agregado químico instável que já não se consegue manter; são extravasamentos de humores e um deplorável e incoercível fracasso orgânico, contra toda a compostura e conveniência. É o corpo […]

ROSÁRIO

ROSÁRIO

Eficácia da devoção comprovada na história Plinio Corrêa de Oliveira Para o católico não é questão de preferência, pendor ou simpatia, muito menos de sentimentalismo, ser devoto de Maria. É questão de vida ou de morte, pois se trata de querer ou não eficazmente a salvação eterna. Se é verdade que o único mediador necessário […]