Widgetized Section

Go to Admin » Appearance » Widgets » and move Gabfire Widget: Social into that MastheadOverlay zone

2 comentários para Um “novo vocabulário” para uma “pastoral revolucionária”

  1. MARIO HECKSHER Responder

    26 de setembro de 2016 à 12:40

    Parabéns amigos. Só por intermédio de vocês nós tomamos conhecimento das investidas do demônio contra a verdadeira Igreja, fundada por Nosso Senhor Jesus Cristo.

  2. Ely Responder

    27 de setembro de 2016 à 3:49

    Infelizmente a nossa Igreja Católica Apostólica Romana está se tornando Protestante porque tanto o nosso Papa como seus Cardeais por motivos escusos estão rasgando páginas atinente ao Sacramento do Matrimônio ( Marcos 10 (b1-10. Para que serve o Código Canônico que já trazem toda a legislação sobre o matrimônio e o Catecismo? Até hoje nenhum Papa contrariou os seus antecessores e nunca modificaram nada relativo aos Sacramentos. Pecado é pecado.Com essa nova interpretação não aprovada pelos fiéis católicos praticantes irá fazer com que não tenham nenhum arrependimento das atitudes ilícitas. A única coisa que peço é que revejam todas essas situações que consiste em colocar não mais os meios a serviço do fim, mas o fim ao serviço dos meios, ou seja, em colocar a verdade e as leis evangélicas a serviço da nova pastoral eclesial, o que vale também para o direito canônico e inclusive para os Sacramentos.Ridículo essa posição porque farão a exemplo dos protestantes confessarem diretamente a Deus sem necessidade do Sacerdote ( Hebreus 5 ( 1-7), porque o instituído atual não cumpre as determinações contidas na Bíblia. O Espírito Santo não pode aprovar essas atitudes contrárias as normas contidas na Bíblia. Estão traindo Jesus Cristo como Judas o traiu.Peço desculpas mas não poderia ficar calada. A continuar assim a Igreja Católica será apenas um local onde os fiéis não mais sentirão vontade de participar da Eucaristica porque conforme diz a Palavra deve estar o fiel sem cometimento de pecado mortal e ser amigados, more uxore não é permitido receber a Eucaristia, pois o pecado está estampado em suas atitudes. Se quiser receber;busque o seu Bispo que aconselhará a busca de Processo de Nulidade Matrimonial, mas nunca ficar a cargo do Bispo em conversas autorizar a Eucaristia de pessoas separadas, divorciadas,eetc….Não é preconceito é a determinação da Palavra de Deus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *