Cemitério submarino para os 40 mártires brasileiros

Em 1999 foram colocadas no fundo do mar 40 cruzes de pedra [foto], no local onde piratas calvinistas jogaram os corpos dos 40 mártires brasileiros. Embora os restos mortais não estejam ali, esse ‘cemitério submarino’ foi uma homenagem aos heróis católicos martirizados.

Visão de Santa Teresa d´Avila dos mártires do Brasil, obra de Giuseppe Bagnasco (1807-1882).

O crime foi praticado por ódio à fé católica, quando os hereges perceberam que se tratava de sacerdotes, irmãos e noviços religiosos.

Em 1742, o Papa Bento XIV os declarou mártires, e em 1854 Pio IX os beatificou. Em 2014 foram homenageados com uma grande cruz de pedra no Farol de Fuencaliente, próximo ao local do martírio, onde se registram os nomes de todas as vítimas. Santa Teresa de Ávila teve uma visão dos 40 mártires entrando no Céu. [quadro ao lado].