Partido Comunista inocula fakes personalizados

Aplicativos chineses acolitam a polícia com seus serviços para censurar informações, espionar cidadãos e adaptar mensagens falsas personalizadas.

O Partido Comunista Chinês recomendou o aplicativo Toutiao, da empresa ByteDance, a utilizar fakes para pessoas escolhidas. Cao Huanhuan, arquiteto de software da app, explicou que ela rastreia a pessoa, os temas de que gosta, o tempo que dedica a eles, os hobbies, a idade, o sexo, o histórico da pesquisa, a navegação na Internet, as compras, o tipo de rede, os dados colhidos pela vigilância, podendo indicar o lugar e a hora em que a pessoa se encontra.

E com inteligência artificial o aplicativo cria a fake perfeita para a vítima, além de gerar listas negras. Sem que a pessoa saiba, fica envolvida e enganada por um sistema onipresente.