A cara nova da Europa

A cara nova da Europa

Péricles Capanema Cara nova da Europa. Tornaram-se mais nítidos traços de preocupação, sulcos de esperança, vislumbres de rumos diferentes. Apareceram mais visíveis depois que 427 milhões de eleitores foram às urnas para eleger 751 deputados (um terço dos quais mulheres), com mandato de cinco anos. Preciso melhor. Às urnas, encerradas no dia 26 pp., foram […]

Boa representação e voto facultativo

Boa representação e voto facultativo

Péricles Capanema Terminou ontem a eleição para o Parlamento Europeu. Em números a segunda do mundo: 427 milhões de eleitores, só atrás da indiana, 900 milhões. Pretendo falar dela em outro artigo. Agora, destaco um ponto: a imprensa de alto a baixo festejou a participação do corpo eleitoral, a maior desde 1979. Compareceram 51% dos […]

ELEIÇÕES — algumas frases para reflexão

ELEIÇÕES — algumas frases para reflexão

Tendo em vista o 2º turno das eleições, seguem algumas frases para reflexão:  “O coração do sábio o inclina para a direita, mas o coração do tolo o inclina para a esquerda. Quando o tolo vai pelo caminho, falta-lhe o entendimento, e assim mostra a todos que é tolo” (Eclesiastes 10, 2-3)   “Quando dominam […]

“Processo de Paz” da Colômbia à beira do abismo

“Processo de Paz” da Colômbia à beira do abismo

Eugenio Trujillo Villegas* O malogrado Acordo de Paz com as FARC (Fuerzas Armadas Revolucionarias de Colombia) se encontra à beira do abismo. Apesar dos ingentes esforços do governo do presidente Juan Manuel Santos para ressuscitar um moribundo, sucessivas desgraças — muitas delas previstas, e outras imprevisíveis — se acrescentam à crise e prometem um desfecho […]

Cambridge Analytic, a ponta do iceberg da contingência das redes sociais

Cambridge Analytic, a ponta do iceberg da contingência das redes sociais

Santiago Escobar Espalhou-se recentemente a notícia de que a empresa Cambridge Analytic usou as informações de mais de 87 milhões de usuários do Facebook para criar uma campanha eleitoral a favor do então candidato presidencial Donald Trump. Segundo tal notícia, a colocação em prática desse sistema teria influenciado decisivamente a vitória do candidato republicano. Sem […]

Em vista das próximas eleições: mudança no cenário político brasileiro

Em vista das próximas eleições: mudança no cenário político brasileiro

Ítalo Nóbrega Durante 17 anos, a esquerda política brasileira estendeu seus tentáculos sobre o eleitorado nacional. Desde 1994, acompanhamos não só a Presidência da República, mas também a hegemonia política serem disputadas entre duas “legendas”: PT e PSDB. Algumas vezes vitorioso devido a alianças e ao apoio eclesiástico, o Partido dos Trabalhadores entrava com o […]

Complexo de vira-latas

Complexo de vira-latas

Péricles Capanema De novo, mais um tropeção na ladeira esburacada das realizações (e dos sonhos). Outra imagem, mais uma repetição no curso médio, já são várias, o aluno (o Brasil) até agora não conseguiu entrar na faculdade. Faz anos, lá estudam primos como a França e o Canadá. Vem ainda à cabeça a frase atribuída […]

UM LUAR NO SERTÃO

UM LUAR NO SERTÃO

“Este luar cá da cidade tão escuro Não tem aquela saudade do luar lá do sertão” (C. P. Cearense) As eleições realizadas nos últimos meses em importantes países revelam comportamento ideológico diferente entre a população das grandes cidades e do campo. O voto conservador foi dado sobretudo pelo campo. As grandes cidades elegem a esquerda. […]

Macron e seu trono de duas pernas

Macron e seu trono de duas pernas

Em outubro de 2016 uma sondagem de opinião do prestigioso instituto francês IPSOS fazia uma revelação: 88% dos franceses estão profundamente insatisfeitos com os rumos do país. Em maio deste ano, novo estudo de opinião — o relatório anual do Conselho econômico, social e ambiental (CESE) — agravou ainda mais o ânimo nacional. “Le Monde” […]

França: candidatos desastrosos versus oposição inteligente

França: candidatos desastrosos versus oposição inteligente

A França continua sendo absolutamente fundamental na Europa e no mundo. O país chega ao segundo turno das eleições presidenciais tendo que escolher entre Monsieur Macron — esquerdista que adotou artificiais ares híbridos e pasteurizados — e Madame Le Pen, populista que se disfarça de direita, mas com maquiagem de má qualidade. Para os eleitores […]