Cento e trinta anos à deriva

Cento e trinta anos à deriva

Péricles Capanema Lia no jornal paulistano “O Estado de São Paulo”, dias atrás, artigo de Pedro Malan (O terceiro inverno do governo Bolsonaro), quando, de repente, trombei com esta: “O processo que nos trouxe até aqui está em curso há décadas. Estamos há mais de 130 anos em busca de uma República democrática digna desse […]

“Melhor seria se não tivessem nascido”

“Melhor seria se não tivessem nascido”

Helio Dias Viana Acabamos de passar por mais uma Semana Santa, quando a atenção dos fiéis do mundo inteiro se volta para as cenas da Paixão e Morte de Nosso Senhor Jesus Cristo. Este ano, contudo, não a comemoramos — a não ser individualmente, em pequenos grupos, ou quando muito online —, pois é o […]

Ai de vós, hipócritas!

Ai de vós, hipócritas!

Pe. David Francisquini* Tantas — e não menos contraditórias — são as afirmações veiculadas pela grande mídia, assim como as medidas levadas a efeito por muitas autoridades públicas, que parecem esconder algo do grande público que, já quase exausto, não vem suportando mais o confinamento a que foi submetido, em razão das próprias divergências sobre […]

Olhares que enxergam longe

Olhares que enxergam longe

Péricles Capanema Bênçãos desprezadas. São uma bênção, para si e para os próximos, os olhares que divisam o remoto na neblina do futuro. Desvelam a via e assim preparam os caminhantes contra adversidades. Contudo, é a realidade, em geral, são menosprezados. Pois cansam, podem parecer falta de senso prático. Espiar 10, 20 anos à frente? […]

COMPARAÇÕES ESCLARECEDORAS

COMPARAÇÕES ESCLARECEDORAS

Péricles Capanema Outro título para o artigo: cruzado no queixo — do brasileiro. Podia ser: divagações melancólicas. Uma mais, angústias perenes. Ainda: opção preferencial pelo desmoronamento. Luzes depois da tormenta indicaria resistência ao infortúnio. Tantos mais haverá; depois de respigar algumas ideias do texto, os escassos leitores verão qual escolheriam. Certamente, espero, teriam boas ideias, […]

Advertências necessárias e oportunas

Advertências necessárias e oportunas

Péricles Capanema Dias atrás o empresário Salim Mattar [foto] demitiu-se da Secretaria Especial de Desestatização, Desinvestimento e Mercados. Compreensivelmente, foi enorme o desconcerto, em especial no mercado. Todos sabem, pela sua trajetória era o maior símbolo, junto com o ministro Paulo Guedes, da obediência do governo ao programa enunciado na campanha de apoio à propriedade […]

Bem comum, tema antigo, sempre palpitante

Bem comum, tema antigo, sempre palpitante

Péricles Capanema Bem comum, expressão que aparece a toda hora; trocadilho perdoado, é bem comum falar em bem comum. Naturalmente, entre outros efeitos, de sua conceituação correta depende o bom governo. Para mim, portanto, já de saída, é matéria atual, essencial, embora a veja distante das manchetes. Para outros, será assunto ultrapassado e desinteressante, pouco […]

Governar pelo bom exemplo

Governar pelo bom exemplo

Péricles Capanema Como pai e mãe educam os filhos? Começo por um dos fundamentos, o que interessa no caso. A preparação para a vida entre os homens apresenta marcantes traços comuns com o modo de, por exemplo, a onça e outros animais prepararem os filhotes para a sobrevivência. Pela imitação, lei da natureza; outro jeito, […]

Impeachment: a demolição do Brasil em maus lençóis

Impeachment: a demolição do Brasil em maus lençóis

É bom ver os demolidores do Brasil em maus lençóis, não? Por certo, desde que caiam junto os fatores da demolição: — erosão da propriedade privada e da livre iniciativa; — favorecimento das invasões de propriedades rurais e urbanas por MSTs, índios doutrinados, “sem-teto”, etc.; — sovietização das instituições (vide PNDH-3, decretado pelo governo Lula […]

CACHOEIRAS E SONOLÊNCIA

CACHOEIRAS E SONOLÊNCIA

Em recente visita aos meus alfarrábios, encontrei um conto interessante, que passo a resumir para o prezado leitor. Depois de observarem atentamente o comportamento noturno de uma pequena cidade, dois ladrões discutiram as possibilidades de êxito para o assalto. Como todas as casas tinham cachorros, o primeiro ladrão objetou que o da casa acordaria o […]