As pedras de Setúbal e a democracia

As pedras de Setúbal e a democracia

Heitor Buchaul A imprensa, pretensamente imparcial, julga de maneira ditatorial e sem direito a contraditórios todos os que ousam discordar dela, por exemplo, naquilo que entende por democracia, religião, sociedade… Sim, aquilo que entende, pois há um conceito fixado pelos construtores da opinião pública sobre alguns pontos, como “democracia”, que não admite discussão. Já que […]

Pesquisa de opinião mais que oportuna

Pesquisa de opinião mais que oportuna

Marcos Machado A mídia alarmista e histérica parece ou finge não ter-se dado conta dos novos tempos e dos novos ares que tomaram a opinião pública brasileira nesses últimos anos. Desamparados pelas antigas e poderosas “fadas” que lhes ditavam as palavras de ordem do sucesso, a esquerda e o dito Centrão perderam o norte. Em […]

CHINA — A fragilidade dos “gigantes” modernos

CHINA — A fragilidade dos “gigantes” modernos

Huawei sob suspeita de espionagem a favor da China, perseguição religiosa e confinamento em campos de re-educação Marcos Machado Notícias de 20 de maio sobre as sanções do presidente Trump à empresas chinesas — concretamente ao grupo Huawei e as consequencias nas bolsas e nas empresas norte americanas fornecedores de chips e outros componentes à […]

Nazismo é fenômeno de esquerda — II

Nazismo é fenômeno de esquerda — II

Afinidades ideológicas entre a doutrina nazista e a comunista. A mídia esquerdista vem se revelando cega para a verdade histórica. Marcos Machado A reação desarrazoada, intempestiva e ácida da mídia de esquerda — e sua rede auxiliar de pseudos centristas — à declaração do chanceler Ernesto Araújo de que o nazismo e o fascismo são […]

O cego que guia outro cego

O cego que guia outro cego

Como explicar os enganos da mídia em relação ao Brasil? Por exemplo, a respeito de avaliações prévias a recentes eleições. Em análise antiga, mas muito atual, o Prof. Plinio Corrêa de Oliveira mostra que o engano da mídia consiste em ter os olhos voltados para um Brasil fictício, inautêntico e esquerdista, quando a opinião pública brasileira […]

O CANALHA TRANSLÚCIDO

O CANALHA TRANSLÚCIDO

Fartei-me com a cobertura indecente, desproporcionada e gritantemente sintomática da morte de Fidel Castro. Ditirambos disparatados, análises tendenciosas, críticas suaves. Excetuo palavras como as de Anna Cecília Malmström, Comissária Europeia do Comércio: “Fidel Castro foi um ditador que oprimiu seu povo por 50 anos. Muito estranhos todos os elogios nas notícias de hoje”. Estranho, mas […]